Revalida 2020 tem mais de 16,5 mil inscritos. Prova será dia 6/12

RM 1

Mais de 16,5 mil médicos formados fora do Brasil se inscreveram para o Revalida 2020. Veja curiosidades.

mais de 16,5 mil inscritos no revalida 2021

Mais de 16,5 mil médicos formados no exterior se inscreveram para o Revalida 2020. O número representa 114% a mais em comparação à última edição do exame.

O Revalida foi criado para que validar o diploma do médico formado fora do Brasil. Neste edição de 2020, as mulheres são maioria no Revalida: 51,8% (8.016) contra 48,2% homens (7.466).

Outra curiosidade do Revalida 2020 é a origem dos diplomas. Os inscritos obtiveram seus diplomas de Medicina em 63 países diferentes. Da Bolívia vem a maioria deles (43,2%).

Brasileiros são maioria no Revalida 2020

Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O Inep é o responsável pelo exame.  Dos 16.547 candidatos,  10.720 são brasileiros que se formaram no exterior, ou seja, 64,7%.

Clique aqui e saiba tudo sobre o processo de revalidação do diploma. Porém, a primeira prova com questões de múltipla escolha e discursivas está marcada para dia 6 de dezembro de 2020. Além disto, os candidatos farão a prova em treze capitais.

Preparação para a Prova Prática

Você que é revalidando precisa ficar atento. Quem passar pela primeira fase, da prova teórica, terá que fazer a prova prática. Contudo, um edital específico ainda será divulgado.

Portanto, a preparação é essencial. O candidato pode se preparar através de cursos oferecidos no mercado. É preciso e também ficar atento às dicas de como chegar seguro na prova prática.

O índice de aprovação do Revalida foi muito baixo nas últimas edições. Por exemplo, dos 7380 inscritos em 2017, apenas 393 conseguiram a validação do diploma para exercer a Medicina no Brasil.

Quem faz o Revalida?

Em resumo, qualquer brasileiro ou estrangeiro que tem diploma de medicina obtido no exterior. Contudo, é preciso estar em situação legal no Brasil para fazer a prova.

Criado para regularizar no Brasil o diploma de Medicina, o Revalida teve sua primeira edição em 2011. Em resumo, a prova serve para verificar se o médico formado no exterior tem conhecimentos equivalentes ao graduado no Brasil. Ou seja, para exercer a Medicina aqui, o médico precisa validar o diploma.

One thought on “Revalida 2020 tem mais de 16,5 mil inscritos. Prova será dia 6/12

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Pré-diabetes: a relevância clínica de um importante marcador de risco

Artigo fala sobre condutas na pré-diabetes e a necessidade de conscientização para evitar a doença.
paciente faz teste em aparelho de glicemia.